Bombeiros de Brumadinho embarcam para ajudar resgate em Moçambique

0
3

Uma equipe de 20 profissionais do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais embarcou na madrugada desta sexta-feira (29) para Moçambique.

Os bombeiros que ajudaram no resgates das vítimas do rompimento da barragem em Brumadinho vão auxiliar nas buscas e na gestão do desastre que acomete os países africanos desde a passagem do ciclone há duas semanas.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, os profissionais são referência mundial neste tipo de resgate por causa das técnicas desenvolvidas nas tragédias de Mariana, na Região Central de Minas Gerais, e de Brumadinho.

Inicialmente, eles vão se estabelecer nas cidades de Beira e Dondo. A expectativa é que a equipe permaneça por 15 dias na região. 

Eles serão levados por uma aeronave das Forças Armadas. De acordo com O Globo, além da equipe, dois veículos, dois botes, três drones e ferramentas pesadas usadas em buscas de sobreviventes também serão enviadas.

O ciclone Idai destruiu Beira, cidade portuária moçambicana, com ventos de até 170 km por hora, antes de seguir em direção ao Zimbábue e ao Malaui, provocando o desmoronamento de prédios e ameaçando a vida de milhares de pessoas.

As enchentes deixaram milhares de pessoas desabrigadas, sem comida ou água potável. Alguns sobreviventes se refugiaram em igrejas e centros improvisados, enquanto alguns se juntaram a agências de ajuda humanitária e ao governo no socorro a algumas áreas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here